quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Tragédia no Seaworld

Uma das treinadoras de baleias orcas do Seaworld, na Flórida, E.U.A., acabou morrendo no tanque durante uma apresentação nesta última quarta-feira, 24/02.

Dawn Brancheau era a treinadora de Tilikum, a orça que acabou por assassina-la. Segundo consta, ela estava na beira do tanque quando a baleia a teria puxado com a boca e a levado para o fundo d’água, além de sacudi-la ferozmente. Já a diretoria do parque diz que a treinadora teria caído no tanque acidentalmente e acabou por ser vítima da orca. Segundo o laudo da morte, ela sofreu traumatismos múltiplos e afogamento.

Achei uma judiação esse acontecimento. Um dos meus sonhos de consumo é visitar o Seaworld, mesmo porque amos mamíferos aquáticos e acho o parque muito lindo. Ficar ao lado de um golfinho seria um sonho!

Infelizmente a orca é conhecida como “baleia assassina”, devido ao seu instinto mais feroz. Não gosto muito de pensar na ideia de uma baleia assassina, pois como disse, adoro esses mamíferos. Mas, infelizmente, até com nossos animais domésticos acontecem esse tipo de tragédia. Quase todos os dias vejo matérias sobre cães raivosos que morderam e até mataram adultos e crianças. Um bichinho como o cachorro fazer isso? Pois é, apesar de graciosos, são animais e têm seus instintos. Temos nós que aprender a lidar com eles e tomar o devido cuidado.

O parque chegou a cancelar os shows com as baleias, mas anunciou que Tilikum continuará a se apresentar. A mesma baleia é acusada, com outras duas de sua espécie, de matar um treinador em 1991.

Apesar de toda a tragédia, fico preocupada com o futuro da baleia. Acho que se ela é tão agressiva assim, deveriam mesmo é soltá-la no oceano, que é o habitat natural dela. É melhor do que esperar uma nova tragédia ou ter que matar a baleia.

Uma orca durante apresentação no Seaworld


Fonte: Portais R7 e Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário