quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Demorou pra acontecer um incidente desses em touradas


Já falei e vou falar de novo. Tourada é coisa de gente ignorante, que não respeita os animais. Do contrário, espete uma lança em você pra ver se dói. O touro é animal, ser vivo, come, bebe, dorme e sente dor.


Um grande incidente aconteceu na cidade de Tafalla, norte da Espanha. Durante uma tourada, o touro conseguiu saltar para a arquibancada e acabou por ferir os espectadores que ali estavam. Foram cerca de 40 feridos, dentre eles um garoto de 10 anos, que ainda está hospitalizado, mas não corre de morte.


Resultado desse incidente? Além dos feridos, o touro foi sacrificado. Triste, não é? Não seria se toda a Espanha seguisse o exemplo da Catalunha, que proibiu a prática das touradas. Mas vai fazer o povo entender, eles acham que isso é cultural, tradição, que é legal...


Infelizmente ainda continuaremos a ver cenas desse tipo enquanto o ser humano não criar consciência que o animal não é um bibelô para ser maltratado.


E aproveitando a situação, hoje começa a Festa de Peão de Barretos, interior de São Paulo. Desculpe-me quem gosta disso, mas para mim é outra situação parecida com a das touradas. Você vai dizer que aqui o bicho não leva espetadas, mas leva esporadas e é maltratado do mesmo jeito.


Já tive minha fase de “cowgirl”, quando era moda ir ao Caipiródromo, festas de peão, assistir Sabadão Sertanejo e vestir calças justas com chapéu. Mas ainda bem que tudo passa, e naquela época era adolescente ainda (é, fiz minhas xaropices).


Hoje é moda o tal do “sertanejo universitário”, então muitas pessoas aproveitam a situação e participam das festas de peão para verem seus artistas preferidos no palco. Tem até atração internacional nessa festa de Barretos, a Mariah Carey.


Sinceramente, quando ia a festas de peão, tava me lixando pro lance que acontecia nas arenas. Achava chato, queria mesmo era a badalação das músicas e o movimento do local. Hoje vejo que não é só questão de achar chato o lance que acontece na arena com os animais, mas é necessária uma conscientização para o que de fato fazem com os animais.


Espero que um dia a maioria entenda.

 Fonte: G1

4 comentários:

  1. Touradas, Farra do Boi, Vaquejadas, Festa do Peão e tantas outras "atrações" deste tipo não tem sentido algum. Qual seria o prazer de quem participa? Proporcionar sofrimento aos animais?

    Infelizmente o mundo, ou melhor, as pessoas são muito complicadas.

    Abraço

    ResponderExcluir
  2. Pois é, e qual é a culpa do touro? Porque ele tem de ser sacrificado? Isso me dá uma revolta tão grande, como pode o "ser humano" ter coragem e prazer em fazer isso com o bicho. Sinceramente, quando um animal nessas condições ataca uma pessoa, eu não sinto a menor pena. A pessoa merece, está lá aprovando algo tão horrível. O mesmo para as festas de peão. Isso tem que acabar. Um dia há de acabar.

    Beijos Néia:(

    ResponderExcluir
  3. Oi, Silvia, obrigado por visitar meu blog!

    Concordo contigo. Acho touradas e vaquejadas judiação com os animais. Mas é difícil avaliar isso sem cair na velha questão do cultural. O que para nós parece pura maldade, dentro de uma cultura específica tem outro significado.

    Não que eu seja a favor desse tipo de festa - sou contra tudo aquilo que maltrate animais -, mas tenho consciência que minha opinião vem de uma cultura diferente dessas, o que, é claro, modifica meu modo de enxergar tais festas.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  4. Oi Silvia,

    É necessário pesquisarmos, para chegar a uma conclusão real, mas a principio concordo com tudo que escreveu.

    Abraços

    ResponderExcluir