sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Clássico de Charles Dickens volta às telas de cinema

Para comemorar o Natal, chega aos cinemas Os Fantasmas de Scrooge (A Christmas Carol), filme da Disney que pretende emplacar as bilheterias do final de ano.

O filme que estreou nesta sexta, 6 de novembro, é baseado no clássico natalino de Charles Dickens “A Christmas Carol”, que é conhecido no mundo através de livros e outros filmes que já se basearam nele.

A história trata sobre o velho Ebenezer Scrooge (Jim Carrey), que é avarento, mal humorado e odeia a data de Natal. Devido ao seu jeito de ser, acaba por maltratar as pessoas que encontra em seu caminho, inclusive o seu funcionário, o pobre Bob Cratchit. Mas na véspera de Natal Scrooge irá ver o fantasma de seu ex-sócio, Jacob Marley, que também foi uma pessoa má durante sua vida. Marley avisa que Scrooge terá uma chance de mudar e para isso irá receber a visita de três fantasmas: o do Natal passado, o do Natal presente, e o do Natal futuro. E muitas emoções serão vividas pelo velho ranzinza desde então.

A história é muito bonita. Para aqueles que já conhecem, sabem muito bem como termina. Assisti a versão em 3D, o que deixa a animação muito mais interessante. Achei um pouco exageradas certas cenas da seqüência dos fantasmas, talvez sejam mesmo para realçar a animação em 3D.


Mesmo a Disney sendo forte no quesito “filmes infantis”, este aqui já está mais para pré-adolescente ou maiores de dez anos. O filme é assustador para uma criança pequena, mesmo porque trata sobre fantasmas, e as cenas com estes fantasmas são de fato bem impressionantes. É uma linda lição de Natal, mas se vai emplacar nas bilheterias é algo que realmente não acredito muito. É esperar para ver.

A direção ficou por conta de Robert Zemeckis, que dirigiu outras animações como “O Expresso Polar” e “A Lenda de Beowulf”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário