quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Teorias sobre a “Caverna do Dragão”


Um dos desenhos animados mais interessantes e comentado dos anos 80, Caverna do Dragão (Dungeons & Dragons) contava a história de seis jovens – Hank, Eric, Presto, Diana, Sheila e Bobby -, que ao embarcar numa montanha russa de um parque de diversões acabaram sendo transportados para um mundo completamente diferente do seu.

Com roupas adequadas e armas mágicas, os jovens são guiados pelo Mestre dos Magos, uma espécie de guia que ensina o caminho da bondade e salvação para encontrarem o caminho de volta pra casa. Contra eles está o Vingador, um mago maldoso e traiçoeiro, que quer a qualquer custo as armas mágicas e dominar todo o reino. Para isso, terá que destruir o Mestre dos Magos e Tiamat, um temível dragão de cinco cabeças.

O desenho começou a ser exibido nos EUA em 1983, e aqui no Brasil foi transmitido pela Rede Globo também na década de 80. Baseado no game Dungeons & Dragons, a animação chegou a ser vista com maus olhos nos EUA. Devido ao episódio onde os meninos querem matar o Vingador, ela foi classificada como “violenta”.

Em apenas três temporadas e uma história que não chegou a ter seu fim, Caverna do Dragão criou várias teorias sobre o que estaria por trás da verdadeira história. Conta-se que na verdade, Vingador é filho do Mestre dos Magos, e que acabou se revoltando contra seu pai e desejando tomar todo o reino para ele de uma maneira maléfica.

Outros acreditam que Mestre dos Magos e Vingador são a mesma pessoa, ou mesmo que o Vingador seria o “pobre coitado” e o Mestre dos Magos o verdadeiro vilão, já que não deixa seus pupilos saírem do reino de maneira nenhuma. Há ainda quem acredite que estejam todos mortos e presos numa espécie de inferno ou purgatório, e que por isso nunca iriam retornar ao seu verdadeiro mundo. 

Especulações à parte, o que se sabe é que um último episódio teria sido escrito para encerrar a série, ou mesmo para dar uma explicação plausível sobre o assunto, mas esse episódio nunca saiu do papel. Em “Requiem”, os jovens lutariam mais uma vez contra o Vingador, que, vencido, voltaria aos braços de seu verdadeiro pai, o Mestre dos Magos. Os garotos então entendem que sua missão era libertar e redimir o Vingador, e não mata-lo. 

Como o episódio nunca foi gravado, não sabemos se realmente seria isso o ocorrido, mas que o final é bem interessante, isso é! Já ouvi até que Caverna do Dragão seria uma espécie de Lost, o que se pensarmos bem, tem sentido. Eles caem num lugar que não conhecem, sempre buscam voltar para casa e nunca conseguem. Mas aí, cairíamos naquela especulação que eles também estariam mortos, e parece que os roteiristas do desenho disseram que isso é mentira.

Seja como for, até hoje curto assistir Caverna do Dragão, e sinceramente, gostaria muito de ver uma nova versão (agora sim, completa e renovada) do desenho ou até mesmo um longa no cinema.

5 comentários:

  1. Interessante a sua postagem, Silvia.
    A minha irmã humana tem um blog sómente dos anos 80 e 90
    http://www.voceselembra.com/
    Dê uma passadinha lá, se quiser
    Tenha uma boa noitinha
    Com Carinho
    Lambeijos e Ronrons de
    Pepi e Xixo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei a dica do blog! Já estou seguindo! Beijinhos!

      Excluir
  2. Eu também adorava caverna do Dragão e seria muito legal ver uma nova versão seja em desenho ou filme.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Esta animação se transformou em cult por não ter um final.

    É provável que em breve algum produtor leve a série para o cinema.

    Abraço

    ResponderExcluir