quarta-feira, 20 de outubro de 2010

“Os Vampiros que se Mordam” satiriza saga vampiresca


Sabe aqueles filmes que juntam várias histórias em uma só, satirizando e transformando tudo em comédia? Pois Os Vampiros que se Mordam (Vampires Suck) trata justamente disso.


Como o próprio título demonstra, claro que a história chave aqui é a saga Crepúsculo, com a participação de Becca  (Jenn Proske),  Edward (Matt Lanter) e claro, Jacob (Chris Riggi). Cenas iguais as da saga, como a primeira vez que Bela viu Edward, estão no filme.


Alguns outros personagens também estão parodiados, como os Cullens, que aqui são os Sullens.


Séries como Desperate Housewives, The Vampire Diaries e até Glee são satirizadas na comédia. Até Lady Gaga é lembrada aqui.


A direção é de Jason Friedberg e Aaron Seltzer, que por acaso também dirigiu comédias do gênero como 'A Liga da Injustiça' (Disaster Movie) e 'Espartalhões' (Meet the Spartans), das quais não achei graça qause nenhuma.


Em Os Vampiros que se Mordam minha opinião não muda muito. O que eu destaco são os trejeitos de Jenn Proske, que ficaram muito parecidos com os de Bela no filme. Sabe, aquela boquinha meio aberta e a cara de sonsa? De resto, é aquela mesma coisa de briga amorosa entre Becca, Edward e Jacob.


Bom, se gostam desse tipo de filme e de história de vampiros, aproveitem pra ver esse. Pode ser que você dê algumas risadas com ele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário