sexta-feira, 23 de julho de 2010

E o Brasil virou a terra do esculacho


Depois daquele fato ridículo em que o ator Robin Williams falou que o Brasil ganhou a disputa pelas olimpíadas porque levou muita prostituta e droga aos jurados, chega a vez de outro renomado ator esculhambar de vez com nossa pátria.
Sylvester Stallone, em entrevista sobre o filme “Os Mercenários”, desceu o verbo e mostrou toda a ingratidão aos que prestigiaram as gravações do filme aqui em terras brasilis. Vejam só as frases que o nosso querido admirador do país falou:
- "Gravar no Brasil foi legal. Poderíamos matar pessoas, explodir tudo e eles dizem obrigado". "Obrigado, Obrigado e leve um macaco!" "Os policiais usam camisetas com uma caveira. Imaginem quão problemático é aquele lugar".
Pois é, e brasileiro, que é gente boa pra caramba vai lá, prestigia o cara, oferece mimos, pede autógrafo, bate palma e ainda leva uma dessas. Tudo bem, o Brasil tem lá os seus problemas, não somos exemplos em organização e a violência tá demais, mas acho que um pouco de respeito e ética não faz mal a ninguém, não é mesmo?
E olha o mais interessante: uma brasileira está no elenco do filme. Gisele Itiê, a última das feias que ficou bela, fará o papel de Sandra, a “mocinha” do longa. Além dela, teremos Jet Li, Jason Statham, Arnold Schwarzenegger, Bruce Willis, Dolph Lundgren, Eric Roberts e Mickey Rourke. A estreia está prevista para 13 de agosto.
Em tempo: apesar de tudo, ainda estou rindo sobre a parte em que ele fala sobre os homens que vestem camisetas com caveiras. Quem mandou mandar o Bope lá.....Se eu fosse o Capitão Nascimento, olharia bem na cara dele e fazia ele pedir pra sair.

Fonte: Cinepop

Um comentário:

  1. Olá, tudo bem? Vim conhecer seu blog, já sou seguidora e aproveito para dizer que gostei dos seus posts. Estarei por aqui a partir de agora. Minha mãe é jornalista também e ama gatos. Eu que sou dona do blog, poucas, mas pouquíssimas vezes eu a deixo postar no meu blog. Vai lá, estou te esperando viu? Grande lambeijokas!

    ResponderExcluir