quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Dirty Dancing, clássico musical dos anos 80, ganha refilmagem



Em 1987, Dirty Dancing – Ritmo Quente (Dirty Dancing) era o preferido da galerinha jovem que se derretia pelo então galã Patrick Swayze, que contracenava com Jennifer Grey em sua versão original, sem a cirurgia plástica que a modificou e trouxe tantas polêmicas.

Nesta semana, os fãs do longa foram surpreendidos por uma notícia que alegrou a uns, e desapontou a outros: o filme ganhará um remake. Há quem diga que nunca conseguirão fazer outro nas mesmas proporções e sucesso do primeiro, mas há quem acredite que em nova roupagem ele pode ficar até melhor.

Na história, Frances “Baby” Houseman (Jennifer Grey) vai com a família para um hotel de veraneio, onde costumam passar as férias. Em épocas em que novas melodias estão mexendo com a cabeça dos jovens dos anos 60, época em que se passa a história, o foxtrot e mambo ainda imperam nos salões do hotel. Lá ela conhece Johnny Castle (Swayze), que é instrutor de dança do local. Tentando salvar a pele da dançarina Penny (Cynthia Rhodes), que está grávida e pode ser demitida se não dançar, Baby assume o posto e aprende a dançar instruída por Johnny. Logo os dois se envolvem em um relacionamento proibido.

Fora a história, as canções do filme são um grande atrativo, vindo a música tema, "The Time of my Life", ganhar o Globo de Ouro no mesmo ano.

Em 2004, tentou se fazer uma sequência do filme. Swayze foi convidado para fazer o papel principal, mas preferiu apenas fazer uma ponta como instrutor de dança, mesmo personagem do primeiro filme. Dirty Dancing – Noites em Havana não conseguiu o mesmo sucesso de seu antecessor, e a história também não empolgou.

Segundo já foi anunciado, novas músicas serão elaboradas para esse remake. Kenny Ortega, que coreografou Jennifer e Patrick, irá ensaiar e dirigir novo elenco. O filme ainda não tem atores definidos nem data de estreia.

Resta sabermos agora se o filme será ambientado nos dias atuais ou em épocas passadas, como na primeira versão, e se a história vai rolar nos mesmos moldes de romance proibido. Confesso que estou ansiosa para o filme, já que ele foi um ícone na minha juventude. Uma pena Patrick Swayze, que morreu de câncer em 2009, não poder fazer mais uma ponta nesta versão como aconteceu em Dirty Dancing – Noites em Havana. Quem sabe Jennifer faça?

3 comentários:

  1. Adoro este filme...espero que seja tão bom quanto o primeiro!!!

    so aguardar agora!

    bjk e fica com Deus!

    ResponderExcluir
  2. Eu também adorei assistir o filme quando foi lançado ! Mas dificilmente alguma refilmagem fica melhor que o original, como a sequencia não fez sucesso nenhum. Se convidarem atores famosos pode ser que dê algum resultado. Vamos torcer !
    Beijos
    Laís

    ResponderExcluir
  3. Li que deve estrear em 2013 e que especulam Justin Timberlake para o papel de Swayze. Será? Ele dança e tal, mas ainda o acho muito sem expressão no cinema. Oka, os papéis tb não ajudam nem um pouco.

    Não vi o 2, por não ter liga com o primeiro. Assim estraga, né? E ele vive um dançarino tb em Last Dance, dirigido por sua mulher.
    Realmente uma lástima o casal não ter tido filhos ....

    Já a Jennifer voltando, sei não. O filme é sem dúvida, um clássico e uma p. trilha sonora. Adooooooro!Mesmo sendo uma historinha boba ... Agora, em tempos de High School Music, Hanna Montana, Jonas Brothers, Justin ... não sei se faria sucesso. Tá tudo extra teen!! Que fim levou o remake de Fame, por exemplo?

    ResponderExcluir