segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Crítica : A Saga Crepúsculo: Amanhecer Parte 2 – O Final



Final de Crepúsculo deverá levar milhares de fãs aos cinemas


Chega ao fim a tão idolatrada saga de milhões de adolescentes divididos entre vampiros e lobos. A Saga Crepúsculo: Amanhecer Parte 2 – O Final (The Twilight Saga: Breaking Dawn - Part II) deverá levar os fãs ao delírio por sua batalha, e à tristeza por seu ponto final na história.

Por se tratar do maior livro da saga, ele foi dividido em duas partes para o cinema, o que poderia talvez ser poupado. Na primeira parte de Amanhecer, Bella (Kristen Stewart) enfim se casa com o vampiro Edward (Robert Pattinson), mas acaba engravidando em sua lua de mel, o que seria tecnicamente impossível, segundo os vampiros. Gravidez confirmada, Bella termina dando a luz a Renesmee (Mackenzie Foy) e é quase dada como morta quando Edward resolvi transforma-la em vampira.

Em Amanhecer Parte 2, Bella acorda já em sua nova vida de vampira e descobre que Jacob (Taylor Lautner) teve um imprinting com sua filha, o que a deixa enfurecida. Ou seja, fim do triângulo amoroso. Na verdade, Jacob é o “prometido” de Renesmee, o que já foi contado em Amanhecer Parte 1.

O que faz Amanhecer ter uma continuação é a batalha entre vampiros, cena que tirará o fôlego de qualquer fã. Ao descobrir que Renesmee pode ser uma criança imortal, os Volturi se enfurecem e vão tirar a limpo a situação. Enquanto os Cullen vão atrás de testemunhas que afirmem que Renesmee na verdade nasceu do relacionamento de Bella, quando humana, e Edward, os Volturi chegam para fazer acontecer uma batalha do século.

Essa batalha é o que dará “volume” para essa parte final da saga. O filme ainda conta com a participação do que seriam índios brasileiros, que na verdade, parecem mais apaches americanos. Garantem para nós boas risadas de suas características vistas com olhares gringos.

A Saga Crepúsculo acaba deixando um monte de falhas e coisas estranhas em seu decorrer. Ou vejamos, quando foi que você ouviu falar que vampiros brilham na luz do sol? Que vampiros têm poderes sobrenaturais (com exceção de sua mordida fatal ou transformadora)? Que lobisomem se transforma na hora em que deseja, sem a necessidade da lua cheia? Imaginação além da história já inventada, a história conseguiu fãs e odiadores de tudo isso.

Renesmee foi a coisa mais encantadora deste filme, na minha opinião. A menina é linda, possui um dom de se comunicar ao tocar a pessoa na face, e tem ao seu lado o lobinho Jacob como eterno defensor. Bella ficou melhor como vampira. Digamos que seu visual e personalidade teve um up, o que ajudou um pouco a tão depressiva e cansativa personagem. Os detalhes sobre a batalha deixam o filme mais interessante que os anteriores, porém nada  a mais do que você já deva estar sabendo ou tenha especulado. 

A Saga Crepúsculo teve um fim que muitos esperavam, mas que outros não queriam aceitar. Apesar das especulações de que outro filme seria lançado, o título já deixa claro que este é realmente “o final” de tudo. Um final que ficará por conta da imaginação de cada um, já que é assim que o diretor Bill Condon decidiu.




Imagens: Divulgação 

6 comentários:

  1. Menina, você acredita que eu não assisti a Saga?

    Sempre que eu ia para assistir, aparecia algo mais interessante...bem...um dia acabo assistindo...

    Amei essa última foto...linda, tão florida!!

    beijinhos,

    Lígia e turminha
    ♥ˆ◡ˆ♥

    ResponderExcluir
  2. Eu amei! Bom, eu e as adolescentes enloquecidas da sala de cinema que gritavam e torciam cada vez que um vampiro mau morria! kkkk
    Eu li que esse filme recebeu o maior orçamento dos quatro. Achei que foi muito bem utilizado.
    Só acho que a Renesmee criança poderia ter sido de verdade e não computação gráfica.
    O livro foi bem retratado nesse filme, principalmente quanto à Bella vampira. Ela sempre quis ser vampira e tal caracteristica caiu muito bem nela!
    Adorei e estou louca pra achar outra louca como eu que queira ir ao cinema de novo comigo!
    beijos amiga!
    Adorei o post

    ResponderExcluir
  3. Adorei o filme , não gosto muito da saga (prefiro HP) mas, esse filme me surpreendeu . As cenas de ação foram incríveis e a Bella uhh, como melhorou ...
    Só achei estranho o rosto da Rennesmee quando bebê e aquelas Índias brasileiras kkkk não fico legal ahha mas gostei do filme achei o melhor dasaga
    Beijs

    ResponderExcluir
  4. Eu li os livros, mas só vi o primeiro filme.Sabe não me incomada os vampiros brilharem ao sol ou terem poderes sobrenaturais, assim como oa lobisomens poderem se transformar a qualquer momento. Acho que como é fantasia pode ser da forma como a autora quiser, desde que ela consiga transforma a estória de tal maneira que nos cative. Acho que ela se perdeu um pouco no livro, principalmente no último, ficou confuso e estranho, eu lembro que achei meio esquisito conforme eu ia lendo, mas também nada tão absurdo e ruim como falam. As pessoas também tem mania de criticar tudo e acho tão legal ver adolescentes lento e se interessando por livros. Afinal com isso algumas até leram o morro dos ventos uivantes.
    beijos.

    ResponderExcluir
  5. Fui assistir ao ultimo filme e amei
    Beijinhos para tí de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  6. Adorei as Vampiras Brasileiras..o Brasil tem que aparecer pro mundo pelo menos numa cena de um filme....e gostei da vampira Brasileira Zafrina ela é bonita,misteriosa e Interessante

    ResponderExcluir