terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Resumão de série: Dexter – 7ª temporada




Fim da 7ª temporada de Dexter e um sentimento de desespero paira na cabeça dos seguidores da série. Então vamos relembrar o que se passou nesta temporada...

Debra agora sabe sobre o “passageiro sombrio” de Dexter. Desde o assassinato de Travis, presenciado pela mana do perito, tudo ficou mais difícil. Ela bem que tentou livrar o irmão de seu vício, mas não teve jeito. Mesmo morando com ela, Dex dava o seu jeito para cumprir a necessidade de exterminar os maus elementos de Miami.

E enquanto Dex extermina os que exterminam inocentes, LaGuerta passa a buscar evidências de que o Bay Harbor Butcher ainda está vivo e na ativa, após encontrar, na igreja onde Travis foi executado, placas de sangue como as usada pelo serial killer. E de evidências em evidências, eis que chega ao nome de Dexter, que possuía barco na marina usada pelo BHB e sempre foi motivo de desconfiança de Doakes.

A morte de um policial por um indivíduo da máfia ucraniana faz Dex matar Viktor, um dos queridinhos de Isaak, que agora quer vingança a qualquer custo. Um jogo de gato e rato entre Dex e Isaak se torna o ponto alto da série, até que o ucraniano mata Louis, o assistente chato de Masuka que estava irritando o serial killer. Louis chegou a comprar a mão decepada pelo Ice Truck Killer e envia-la a Dexter, por razões que não se sabem muito bem. Ao que parece, Louis estava realmente decidido a investigar a vida de seu inimigo, mas se deu mal na mão de Isaak.

Então Isaak vai preso pela morte dos colombianos, depois sai da prisão e volta a perseguir Dex. O motivo? Nosso perito assassinou seu amante, Viktor. E na briga, uma união surge entre os dois, que agora visam um novo inimigo. Isaak leva a pior, e um tiro do inimigo faz com que Dex seja seu último confidente.

Mas Dex não ficou sozinho nesta temporada. Trataram logo de arrumar uma namoradinha para ele. Hannah McKay é a cúmplice e ex-mulher de Wayne Randall, um assassino que se joga em frente a um ônibus logo após dizer suas últimas palavras ao perito. E Hannah, que seria a próxima vítima do serial killer, torna-se sua paixão e cúmplice de seus atos mortais.

Resumindo tudo, essa temporada foi de muita tensão. Debra já disse ao irmão que é apaixonada por ele, o que causou tremendo mal estar no moço e creio que nos telespectadores também. Ah, sei lá, é meio difícil entender uma paixão carnal entre irmãos, ainda que adotivos. E na briga entre Deb e Hannah, a primeira levou a pior. É claro que a envenenadora tentou matar Déb. Aliás, Hannah matou vários com um veneno muito discreto de plantas. Ela matou o jornalista que tentava descobrir seus assassinatos e iria presa, mas Dex não deixou que acontecesse.

Tudo isso até Hannah tentar matar Debra. Dex entrega a prova e deixa com que a policial enjaule a sua inimiga. Será que ainda vai rolar uma química entre os irmãos? O último momento da temporada, onde estão juntos na festa de fim de ano, meio que deixa algo no ar. Ou pelo menos Dex é tão fiel a sua irmã que passa por cima de qualquer coisa para salva-la.

Aliás, o final é muito louco. Como LaGuerta acha todas as evidências de que Dex é de fato o BHB, ela o prende, mas é obrigada a soltar por falta de provas. Porém, o perito, que é muiiiito mais esperto, arma para ela, que cai direitinho na enrascada. E com flashes sobre o passado com Doakes, o que todo mundo chegou a cogitar de que ele estaria vivo, LaGuerta também cai nas mãos do BHB.

E se Dexter já tinha matado o pai de Hannah, que apenas a estava incomodando, seria fácil matar mais alguém que não se enquadrasse em seu código de Harry. Sua intenção era matar Maria, até que Deb chega ao local e aponta a arma para o irmão. LaGuerta, que estava desmaiada, acorda e pede para que a policial atire contra o próprio irmão, o que tava na cara que seria o contrário. E Deb mata LaGuerta.

Eu não sei o que esperar da próxima e última temporada de Dexter. Ele já enfiou os pés pelas mãos, tem muita gente sabendo quem ele é, todos sabiam que LaGuerta o acusava de assassinato e de repente ela morre em troca de tiros com o assassino da mãe de Dexter.... Muita coisa ruim acontecendo para o serial killer.

Sei que no fundo ele é um assassino, mas não tem como não gostar de Dexter e torcer por ele. Porém, creio que seu destino possa não ser o melhor, já que agora ele também mata quem passe por seu caminho com intenção de prejudica-lo. Teremos que esperar o segundo semestre de 2013 para conferirmos qual será o final dessa eletrizante série.


3 comentários:

  1. Oi Silvia, acabei de ver o final da temporada, e não sei mesmo o que esperar da próxima, já qu eesta tudo muito confuso e em aberto. Agora não consigo deixar de torcer pelo Dexter, nosso adoravél psicopata...rsrs.
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Acho certo ele ficar com a Deb!
    Esperando a 8a temporada...

    ResponderExcluir
  3. Acabei de assistir o final da sexta. Não aguentei de curiosidade e fui atrás de spoilers. kk' Ainda não acredito que Deb descobriu o passageiro sombrio de Dex. N sei pq, to torcendo pelos 2.

    ResponderExcluir